6 dicas para fazer compressa morna

Carmen Baptista da Luz Pessuti
Em:  
Dicas e Práticas
22
de
September
de
2018
Escrito por
Carmen Baptista da Luz Pessuti

Existem casos em que os médicos oftalmologistas prescrevem como tratamento compressa morna. Você sabe qual a forma correta de fazê-la?

Compressas mornas, muitas vezes são prescritas por médicos oftalmologistas, para tratamento de terçol (hordéolo), inflamação nas pálpebras (blefarite), cisto (calázio), entre outros problemas oftalmológicos.

Colocar compressa de chá, colher quente ou aliança no olho não vai resolver o seu problema e, em alguns casos, pode até piorar, pois você pode contaminar os seus olhos com bactérias ou “sujeiras”.

Alerta a médica oftalmologista Dra. Carmen Luz-Pessuti

A compressa morna pode ser feita com água filtrada ou soro fisiológico fisiológico. Ela é um tratamento barato e simples, porém devem ser realizada e preparada da forma correta, com indicação de um médico oftalmologista e por um adulto, pois as crianças podem se queimar.

Para fazer a compressa morna separe os materiais que você irá precisar: água para aquecer, um recipiente para aquecer a água, soro fisiológico estéril ou água filtrada e gazes estéreis . E, siga os 6 passos abaixo.

1- Lavar as mãos

As mãos podem levar aos nossos olhos bactérias, vírus ou sujeiras. Para evitar a contaminação devemos lavá-las, antes de começar a fazer a compressa, com água e sabão ou álcool gel 70%.

Figura 1. As mãos podem contamina nossos olhos. (Fonte: Pixabay)

2- Retirar óculos, lentes de contato ou tampão ocular

Antes de iniciar a compressa devemos retirar óculos, lentes de contato ou tampão ocular, caso utilize. Eles irão atrapalhar a aplicação da compressa e, no caso de lentes de contato, podem machucar os olhos.

3- Aquecer a água

A água deve ser aquecida em uma panela ou qualquer outro recipiente. O tamanho do recipiente e a quantidade de água devem permitir que o frasco de soro fisiológico ou água filtrada fiquem completamente cobertos pelo líquido quando mergulhados no recipiente.

Figura 2. O soro fisiológico não é aquecido diretamente, ele é mergulhado em um banho de água quente. (Fonte: Unsplash)

4- Mergulhar o soro fisiológico na água quente

O soro fisiológico estéril ou a água filtrada não devem ser aquecidos diretamente. Os líquidos devem estar um frasco fechado e ser mergulhados no recipiente com água quente até que fiquem mornos.

5- Mergulhar a gaze

Mergulhe a gaze estéril no líquido morno, até que ela fique encharcada. Em seguida, esprema o excesso de líquido. Não esqueça de verificar a temperatura da compressa no pulso para não se queimar.

Figura 3. Deve-se verificar a temperatura da gaze encharcada de líquido antes de aplicar a compressa. (Fonte: Rede Olhos)

6- Aplicar as gazes sobre os olhos

Aplique duas gazes sobre os olhos fechados, conforme orientação médica. Geralmente, a compressa morna é feita por 10 minutos e de 3 a 4 vezes por dia.

Lembre-se!

O cuidado com a saúde dos olhos deve ser algo diário, fique atento a qualquer mudança na sua visão e não deixe de visitar seu médico oftalmologista ao menos uma vez por ano.

Carmen Baptista da Luz Pessuti

Consulta e Exames Oftalmológicos. Tratamentos e Cirurgias Para Doenças Oculares. Oftalmologista em Ribeirão Pires. Catarata, Refrativa, Retina.

Recomendado para você